Pular para o conteúdo

Tecnologia: Chevrolet Bolt EV

Tecnologia: Chevrolet Bolt EV

Com entrada simbólica no Brasil no ano passado, quando foram vendidas apenas 7 unidades, carro 100% elétrico da Chevrolet começou 2020 com importação de um segundo lote

Apesar da Chevrolet dizer que comercializou todas as 50 unidades de pré-venda do Bolt EV, seu modelo 100% elétrico lançado no Brasil em 2019, só aparecem 7 unidades emplacadas do modelo no registro da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Isso significa que a entrada dele no mercado foi mais simbólica e que este ano é que ele deve começar a ser visto pelas ruas. A montadora anunciou a chegada de um segundo lote importado em fevereiro.
As unidades foram enviadas para as 26 concessionárias credenciadas da marca para venda do carro. Elas ficam nas seguintes cidades: Brasília, Campinas, Florianópolis, Joinville, Porto Alegre, Recife (única cidade do Nordeste), Rio de Janeiro, São José dos Campos, São Paulo e Vitória. Segundo a GM, as cidades foram “selecionadas com base em estudos de mercado”.
A versão única do Bolt EV trazida para o mercado brasileiro é a mais sofisticada, Premier, com preço sugerido de R$ 175 mil e equipada com baterias que garantem autonomia média de até 416 quilômetros. O motor permite arrancadas de 0 a 100 km/h em aproximadamente 7 segundos, tem 203 cv de potência e 36,7 kgfm de torque em qualquer faixa de rotação.
Em relação a segurança, o veículo oferece 10 airbags, assistente de permanência na faixa, alerta de ponto cego com sensor de aproximação repentina, aviso de tráfego traseiro cruzado, alerta de colisão frontal e sistema de frenagem automática com detecção de pedestres para mitigar acidentes.
Um carregador portátil acompanha o veículo, mas o proprietário, se quiser mais agilidade, precisa comprar um aparelho de recarga rápida para ser instalado na garagem. Ele está à venda nas concessionárias Chevrolet credenciadas para comercializar o Bolt EV. Não conseguimos encontrar o valor do aparelho. O Bolt também vem preparado para a recarga em eletropostos de alta voltagem, onde bastam 30 minutos de recarga para o carro rodar mais cerca de 160 km. Mas essa é uma infraestrutura mais provável nos Estados Unidos do que no Brasil.
Um detalhe que chama a atenção é o plano de revisão. Veja a diferença em relação a carros movidos a motores a combustão: enquanto os proprietários destes precisam se preocupar com ciclos de 20 mil ou 30 mil km, no caso do Bolt, que por ser elétrico não precisa de procedimentos como troca de óleo, de velas, de correia e de diversos filtros, por exemplo, a primeira checagem é aos 240 mil km (ou 5 anos). os principais serviços de revisão do se concentram nas trocas de itens de desgaste decorrentes do uso do veículo, como o filtro do ar condicionado e as pastilhas dos freios.

Principais itens

• Sistema regenerativo dos freios
• Espelho retrovisor central por câmera
• Assistente de estacionamento com visão 360 graus
• Painel digital customizável com tela de 8 polegadas
• MyLink com tela de 10,2 polegadas compatível com
Apple CarPlay e Android Auto
• Sistema de som de alta definição Bose
• Faróis com tecnologia HID e luzes de condução diurna em LED
• Lanternas traseiras em LED
• Sensor crepuscular
• Pneus autovedantes com rodas aro 17
• Assoalho plano com fechamento aerodinâmico
• Sistema de recarga de smartphone por indução magnética (sem fio)
• Aviso de tráfego traseiro cruzado­­
• Bancos de couro e volante com aquecimento
• Sistema de partida do motor por controle remoto
• Freio de estacionamento elétrico com acionamento por botão

Dimensões e capacidades
Comprimento 4.165 mm
Largura 1.765 mm
Altura 1.595 mm
Entre-eixos 2.600 mm
Capacidade do porta-malas 478 a 1.603 litros
(com os bancos traseiros rebatidos).